. Retrospectiva 2016 .


O ano do nadador Henrique Rodrigues foi marcante e muito especial, com muitas conquistas

O ano de 2016 foi muito especial e marcante para o principal nadador brasileiro dos 200m medley, Henrique Rodrigues. Ele atingiu o seu maior objetivo da temporada, que era disputar a Rio 2016.

O nadador do EC Pinheiros estreou no ano com a medalha de prata no Grand Prix de Orlando, com o tempo de 1:59.82 na sua principal prova, os 200m medley. A competição contava com grandes nomes da natação mundial. Em março, foi premiado com o ouro no Sul Americano, na mesma prova, no Paraguai.

Após essas conquistas, já com o índice olímpico garantido em 2015, Henrique disputou a segunda seletiva para os Jogos, o Troféu Maria Lenk.  Em uma disputa muito acirrada, terminou empatado com Thiago Pereira com 1:57.91, nos 200m medley.

O ponto alto da carreira de Henrique foi a disputa dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro. Ele chegou até a semifinal da competição na prova de sua especialidade, terminou a disputa na nona colocação e quase alcançou a final. Em sua segunda participação em Olimpíada, ficou entre os 16 melhores nadadores nos 200m medley, sendo um dos destaques da natação brasileira no maior evento esportivo do mundo. Em Londres 2012, o nadador também chegou a semifinal da prova, mas terminou na 13º colocação.

No fim da temporada, conquistou a medalha de ouro no Troféu José Finkel, com 01:53.84. Fechou a temporada com mais um ouro, nos 200m medley, no Brasileiro Sênior, em Palhoça (SC).

Somando todas essas conquistas e a chegada até a semifinal na Rio 2016, o ano de Henrique foi memorável.

(Foto: Satiro Sodré/SSPress)


. compartilhe .



. contato .